bolo de chocolate
  • Facebook

Esta semana as Dicas da Paparoca são sobre o Natal! Partilho convosco algumas dicas e sugestões para conseguirem ter uma mesa recheada de iguarias variadas com o mínimo desperdício e para se organizarem o melhor possível e sobreviver a esta época das Festas! Porque a época é bonita, mas trabalhosa e um pouco stressante! Além das 10 dicas para um Natal tranquilo na cozinha, no fim do artigo também têm algumas sugestões de receitas natalícias e ainda vou publicar algumas novas durante a próxima semana. Tomem nota de tudo:

  • Faça listas: a lista dos convidados, a lista das compras, a lista das entradas, dos vinhos e das sobremesas. Numa palavra: organize-se para ter a certeza de que não falta nada, mas que também não faz compras em duplicado.
  • Decida a ementa e distribua algumas tarefas, como por exemplo os doces, sobremesas e entradas. Combine quem traz o quê e tome nota na sua lista.
  • Faça todas as compras na semana anterior com exceção do pão e das verduras, que deve encomendar para levantar no dia 24 ou 23 (no caso das couves, grelos ou outras verduras, no dia 23 está ok). Todas as outras compras devem ser feitas com antecedência para evitar a enorme confusão da véspera de Natal. Se não tiverem paciência para ir comprar pão fresco, comprem uns dias antes (bem fresco e estaladiço!), congelem o pão e descongelem no dia 24 de manhã. Depois é só pôr uns 10 minutos no forno a 180º para o pão ficar estaladiço e quente. Vai parecer que acabou de ser cozido!
  • Pense em todos! Tem bebidas não alcoólicas para as crianças? Fez aquele doce que o seu pai adora? Não se esqueceu do amigo vegetariano, do vinho preferido do seu marido ou do queijo predileto da sua mãe? Agrade a todos e a si próprio, pensando no que cada um mais gosta para que todos fiquem satisfeitos.
  • Não repita iguarias. A mesa de Natal deve ser farta e variada, sou adepta disso, pois acho que é uma época especial e nós, portugueses, gostamos de comer bem! Mas não devemos fazer exageros de comida nem repetir iguarias muito idênticas. Por exemplo, escolha entre fazer sonhos ou fritos de abóbora ou entre aletria e arroz doce. Ter doces muito parecidos é desnecessário e vai fazer com que sobre imensa comida.
  • Calcule quantidades. Se a sua família não é muito grande e não vai ter mais de 6 ou 8 pessoas a comer, faça meia receita de algumas sobremesas. Para ter um pouco de cada iguaria e ter uma mesa variada, aposte em fazer várias iguarias, mas em menos quantidade (meia receita de sonhos ou coscorões, um Bolo Rei mais pequeno, etc).
  • Escolha bem o prato de bacalhau que vai preparar. Pense bem em quantos convidados tem e que tipo de prato é o mais adequado. Pratos que exigem preparações mais complicadas em cima da hora de servir não são bons para muita gente. Já os pratos de forno ou outros pratos em que o bacalhau e os acompanhamentos podem ser preparados com alguma antecedência, são mais práticos para quando servimos muitas pessoas. Preparamos tudo o que for possível antes e, na última meia hora, basta gratinar no forno ou dar os retoques finais.
  • Faça antes e congele. Alguns doces podem ser feitos uns dias antes e congelados: bolos tipo Bolo Inglês e o Arroz Doce também, desde que fique bem tapado com película (para não formar cristais de gelo) e não lhe tenham posto a canela. No dia de servir, retire do congelador, ponha primeiro no frigorífico e depois cá fora. Quando estiver completamente descongelado e à temperatura ambiente, decore com canela em pó. Já fiz isto várias vezes e corre sempre bem, desde que congelem os doces muito fescos, no próprio dia em que são feitos, vão ficar perfeitos!
  • Ponha a mesa de véspera! Faço sempre isto, não só no Natal, mas também quando tenho cá em casa jantares com mais pessoas ou festas de aniversário. Desta forma, poupo tempo no próprio dia e decoro a mesa com muito mais calma.
  • Organize o dia 24. Eu costumo fazer uma lista com as tarefas e as horas do dia em que tenho de as fazer. Acham demasiada organização? 😉 Mas é muito útil porque assim definimos em antecipação o que devemos fazer logo de manhã e o que pode ou tem que ser deixado para mais tarde.

Deixo-vos ainda mais algumas receitas natalícias que são sucesso garantido! Começamos com uma seleção de entradas todas deliciosas, é só escolherem se preferem enchidos, marisco ou queijos: Entradas

Este bolo de chocolate e claras é perfeito para aproveitarem as claras que sobram dos doces que consomem muitas gemas: Bolo de Chocolate e Claras

Vejam aqui a minha receita de Bacalhau Espiritual

Para quem prefere o bacalhau em lombos, fiquem com esta receita, já a fiz para um Natal e foi um sucesso: Bacalhau com crosta de alheira

Quem arriscar fazer Bolo Rei pode seguir uma destas receitas, que são maravilhosas: Bolo Rei

bolo rei
  • Facebook