Arroz de pato com laranja
  • Facebook

Fiz este arroz de pato para levar para uma almoçarada de amigos. Uma patuscada em casa da professora de pilates, que é uma querida e uma grande petisqueira! Gosta muito de comer – isso já nós sabíamos – mas desta vez provou que também cozinha bem e que sabe receber maravilhosamente! Foi uma excelente anfitriã e nós – o grupo do pilates e mais alguns amigos – fizemos a festa para celebrar o aniversário da professora e o primeiro aniversário de casamento de outros dois amigos. Foi uma alegria e uma comesaina toda a tarde de domingo 🙂 O pato foi oferecido por uma das amigas e confecionado por mim. Também levei o “Bolo dos Noivos” 😉 É verdade, um ano depois, tiveram novamente direito a bolo, até porque tínhamos que devolver os bonecos dos noivos roubados e não havia melhor forma de o fazer senão colocá-los novamente em cima de um bolo!

Ingredientes para 10 pessoas

1 pato com 2,5 a 3 kg
3 chávenas de chá de arroz agulha
1 cebola bem grande ou 2 médias
1 chouriço de carne
2 laranjas
5 hastes de alecrim
6 dentes de alho
4 folhas de louro
1,5 dl de azeite
1 colher de sopa de pimentão doce (paprika)
Sal qb
Pimenta qb
Especiarias a gosto (usei uma colher de sobremesa de Garam Massala e um pouco de curcuma)

Preparação

Comece por tirar o pescoço e miúdos ao pato e coloque-os num tacho juntamente com o chouriço. Encha com 2 liros de água, junte um dente de alho esmagado e leve a ferver durante 45 minutos para fazer um caldo que servirá para cozer o arroz.

Faça uma pasta com alhos esmagados, azeite, sal, folhas de louro, alecrim, especiarias, incluindo a pimenta e pimentão doce. Esmague tudo no almofariz e barre o pato com esta mistura. Deite mais umas pedras de sal no pato e coloque-o num tabuleiro de forno. Coloque uma laranja e 3 hastes de alecrim dentro do pato. Deite mais um fio de azeite no tabuleiro. Tape o pato com folha de alumínio e leve a assar a 200º durante 90 a 120 minutos ou até o pato estar macio e a carne se desfazer e sair facilmente dos ossos. A meio da cozedura, vire o pato, mas mantenha-o sempre tapado com folha de alumínio e não aumente a temperatura acima dos 200º para que o pato cozinhe bem até ficar muito tenro e não secar.

O pato vai assar e libertar muita gordura que vai derreter da pele. Quando o pato estiver assado, aproveite parte desta gordura para refogar uma cebola grande. Deite parte da gordura num tacho, junte rodelas de meio chouriço (guarde o restante para pôr por cima do arroz). Pique a cebola e junte ao tacho com um dente de alho esmagado. Deixe refogar. Quando a cebola começar a ficar transparente, junte o arroz e deixe fritar 2 minutos. Depois junte o caldo da cozedura do chouriço e miúdos. O caldo deve estar quente. Junte 8 chávenas de chá de caldo. Adicione sal e deixe o arroz cozer até estar num ponto que não seja cozido demais (cerca de 12 minutos). Entretanto vá desfiando o pato. Corte também os miúdos em pedacinhos. Aproveite também a pele tostada da seguinte forma: retire a pele, coloque-a numa tábua com a parte de dentro virada para cima e retire o excesso de gordura que não tenha derretido com a ajuda de uma faca. Depois aproveite a pele já sem gordura, corte em pedacinhos e junte ao pato desfiado. Misture toda a carne já desfiada com o arroz e deite tudo num tabuleiro de forno untado com manteiga. Por cima coloque rodelas do meio chouriço que sobrou e rodelas de laranja (outra que não a que assou com o pato).

Leve ao forno a gratinar a 220º. Quando estiver douradinho, está pronto!

Bom apetite!

arroz de pato assado
  • Facebook